Pesquisa aponta queda nas vendas no Dia das Crianças, diz Fecomércio

Apesar da projeção, comerciantes em Dourados estão otimistas. Segundo o levantamento, devem ser injetados R$ 146 milhões

284
A pesquisa para o Dia das Crianças do Instituto de Pesquisa e Desenvolvimento da Fecomércio (IPF-MS) mostrou queda de 21% na intenção de compras em 2016, em Mato Grosso do Sul. Apesar disso, a data deve injetar R$ 146 milhões na economia.

Em 2015, 70% dos entrevistados se mostraram dispostos a comprar um presente. Em 2016, 49% das pessoas entrevistas pelo estudo disseram que pretendem fazer alguma compra estimuladas pela data. O número de indecisos é de 6%.

O valor médio dos presentes também caiu e deverá ser de R$ 119. O valor representa 9,8% a menos em comparação a 2015.

Apesar dos dados da pesquisa, os comerciantes de Dourados, a 214 quilômetros da capital sul-mato-grossense, se mostram animados e esperam faturar por causa da data. Em uma loja de utilidades, a previsão é que o Dia das Crianças aumente as vendas em 5%, em relação ao mesmo período de 2015.

“Nós temos um mix maior que o ano anterior de itens ofertados, com o mesmo preço do ano anterior e dez vezes nos cartões sem juro nenhum”, afirmou Jonas Luis Carniel, gerente do estabelecimento.

Já em uma loja de departamentos a expectativa é que as vendas cresçam ainda mais: 12%. “A economia do ano passado refletiu diretamente nas nossas vendas. Esse ano não. Com essas mudanças, as contratações, o mercado começando a reagir. Realmente as nossas diferenças do ano passado vão ser significativas. As nossas estratégias são promoções, formas de pagamento e preços atrativos”, explicou a gerente Marilucia Nascimento.
Fonte: G1 

Like
Like Love Haha Wow Sad Angry

Comments

comments