De repente vendedor

551

Olá Caro Leitor!

O pessoal do Vendedor 10 me pediu para escrever um artigo introdutório, me apresentando, coisa e tal. Foi aí que eu parei para pensar um pouco na minha trajetória, carreira e no ponto que estou hoje.

Hoje sou sócio da SalesTalent Digital, uma empresa fundada pelo meu amigo e ex-chefe Helio Azevedo em 2009. O que começou como um negócio de treinamento presencial para vendedores e times de vendas acabou se tornando uma empresa de conteúdo para educar times de vendas, canais e mesmo os clientes dos nossos clientes.

Mas nada acontece por acaso. O que me permitiu estar aqui hoje investindo neste empreendimento é que, ao longo da minha carreira, pude vivenciar uma variedade imensa de experiências que me deram uma perspectiva privilegiada de como negócios e empresas crescem e funcionam.

Eu não comecei em vendas. Na verdade, meu sonho de início de carreira era trabalhar numa multinacional de tecnologia (Motorola, HP, Siemens) numa área de engenharia e escovar muito, muitos bits e bytes. Era natural eu pensar assim – fiz ensino médio técnico em Eletrônica no Liceu de Artes e Ofícios de SP, este era o meu ambiente.

Os primeiros anos da minha carreira foram como analista de negócios de ERP – primeiro numa indústria eletrônica de SP e, depois, numa empresa que começava a crescer muito fortemente – a Microsiga (hojeTOTVS).

Mas, dessas coisas que a gente não controla e que, de alguma forma, acontecem, acabei montando o plano de negócios, a oferta e fechando vários dos primeiros negócios de Cloud da TOTVS, ainda em 2005. Pronto: tinha virado um dos “caras do comercial”.

A parte mais bacana disto tudo é que o meu background técnico e minha formação (sou Tecnólogo em Processos de Produção Mecânica pela FATEC/SP) apenas ajudou – pois eu entendia de negócios, meu raciocínio era bastante estruturado, me comunicava bem e negociava com razoável competência.

Mas eu sentia que faltava mais. Afinal de contas, não existe uma faculdade de vendas. Que competências outras eu precisava desenvolver? Não me parecia razoável que um profissional de vendas top fosse aquele que tivesse apenas “lábia” – isto não explica sucesso consistente.

E aí volto para o começo da história: o que me atraiu ao projeto da SalesTalent é que nós estruturamos uma forma de justamente entregar esta capacitação. Porque “lábia” pode até ser útil – mas está longe de ser suficiente. E nos dias de hoje (e nos que ainda virão), o profissional de vendas top é aquele que está constantemente preparado, motivado e equipado para vencer.

Motivação é com você. Te deixar equipado é com a sua empresa. Agora, eu posso e vou te ajudar na preparação. Acompanhe a gente aqui e também no nosso site salestalent.

Este artigo foi escrito por Paulo Felix, colunista do Portal Vendedor 10. Paulo é Sócio e Diretor de Digital Marketing e Vendas na SalesTalent, atuou como Gerente de vendas e Canais e Especialista em empresas como SAP, TOTVS e Datasul nos últimos 18 anos. MBA pela BBS Business School com extensão em Gestão de Negócios na Universitat Autónoma de Barcelona e Tecnólogo em Processos de Produção pela FATEC/SP.

 

Like
Like Love Haha Wow Sad Angry

Comments

comments